Índice pluviométrico e o semi-árido

12out08

O que significa o índice pluviométrico de uma região ou de uma cidade?

O índice pluviométrico em ‘mm’ significa que, em um ano, em um reservatório-caixa com a área da superfície aberta de 1m2, existe a precipitação de uma quantidade de chuva suficiente para elevar o nível desse reservatório em sua medida vertical (sua profundidade, digamos), em milímetros, equivalente ao próprio índice.

Não é descontado desse valor a evaporação, decorrente de outros fatores climáticos. O reservatório, exposto ao clima, está a todo momento sofrendo evaporação, seja do vento ou do sol, por exemplo.

O índice pluviométrico do semi-árido nordestino não é um índice baixo, muito pelo contrário, é um índice atípico para regiões semi-áridas. Se observado separadamente, o número deixaria qualquer técnico israelense invejado. No entanto, a evaporação na região nordeste é altíssima principalmente porque os raios solares incidem muito perpendiculares ao solo.

Enquanto os índices pluviométricos do Nordeste Brasileiro semi-árido são de até 800mm (80cm de profundidade de água em nosso reservatório de superfície de 1m2, durante o ano todo), a evaporação na região é de 2000mm (2m de profundidade). Ou seja, toda a água do reservatório secaria e, caso houve mais água até a marca 1200mm, ela também secaria. Portanto, há uma espécie de déficit, um balanço hídrico negativo. Isso confere à região a classificação semi-árida.

É interessante, no entanto, estabelecer algumas comparações entre alguns índices pluviométricos. De maneira bastante sintética, podemos dizer que, se há precipitação pluviométrica, existem meios técnicos disponíveis de evitar que essa água se perca, que não volte aos céus. Esta certamente, é a mais fácil das questões.

Índices Pluviométricos (aproximados, existe grande variação entre anos e entre municípios, não há valor científico):

Semi-Árido nordestino. 350mm-800mm

Deserto de Negev. 50mm-300mm

Cidade de São Paulo. 1400mm

 

Post enviado por Gabriel Kogan

Anúncios


3 Responses to “Índice pluviométrico e o semi-árido”

  1. 1 pp

    bem vindo de volta

  2. 2 josé nogueira sobrinho

    Obrigado!, gostei demais das informações, aliás eu nasci e morei no semi-árido especificamente em Mossoró/RN, e essa questão da água comovia a todos, todos sabiam se chovia, quando chovia, enfim eu observava a comoção das pessoas, mas ao mesmo tempo não tínhamos conhecimento do valor da pouca água que caía, o que fazer para não perder esse líguido tão precioso.

    Grato!

  3. Chove mais no Nordeste Brasileiro do que no Estado da California, que é um grande produtor de uvas, vinhos, frutas e verduras. Neste Estado a evaporação é muito grande também devido aos ventos secos que chegam do Pacífico, aliados à insolação que também é elevada. A grande diferença entre estas duas regiões se dá na forma como os recursos hídricos são gerenciados e conservados.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: